quinta-feira, 28 de julho de 2011

Vendas da SONY cae e da NINTENDO ainda mais!

Notícias estranhas chegam diretamente do último relatório financeiro da Sony. As vendas do PlayStation 3 caíram, as do PlayStation 2 ficaram estáveis e o PSP, dado como morto no Ocidente, resolveu retornar triunfante justo agora. Enquanto isso, a Nintendo se encontra numa situação um pouco mais complicada.
Entre abril e junho, foram vendidas 1,8 milhão de unidades do PS3 (menos do que as 2,4 do mesmo trimestre do ano passado), 1,8 milhão do PSP (mais do que o 1,2 milhão do mesmo período) e o velho fiel, o PS2, vendeu 1,4 – só um pouco menos que os 1,6 de antes.

O PS2, apesar de ter mais de 10 anos, continua firme e forte, com seu catálogo eterno de vários jogos excelentes. E o PS3? Bom, essa situação do PS3 é um pouco estranha. Não se surpreenda se a Sony decidir anunciar um corte de preços na GamesCom em agosto ou na Tokyo Game Show em setembro.

E na Nintendo? As vendas da família DS ao redor do mundo caíram de 3,1 milhões no período de abril a junho de 2010 para 1,4 nesse mesmo trimestre de 2011. O Wii sofreu uma queda equivalente, indo da 3 a 1,5 milhão. Esses números não seriam tão preocupantes se o 3DS estivesse vendendo bem, mas não é muito o caso: foram 710 mil unidades em três meses. No mundo todo.

Não é de se espantar que a Nintendo tenha anunciado um corte de preços menos de seis meses depois de o portátil ter chegado às lojas dos Estados Unidos. A recuperação pode vir na forma da santíssima trindade Mario (Kart), Mario (Land) e Kid Icarus, que chega no fim do ano.
E assim caminhamos para a verdadeira batalha anual dos games, quando começam a aparecer os grandes lançamentos do fim do ano. Teremos Batman, teremos Assassin’s Creed, Call of Duty, Battlefield 3, Uncharted 3, Zelda e Mario. Vai ser divertido.